terça-feira, abril 12

pois é

o que mais dói:
passam-se os anos
e no fundo,
lá na realidade
eu sempre acabo agindo como uma menina.

Nenhum comentário: